Vista da margem direita da Barragem de Santa Clara
Barragem de Santa Clara - Pormenor do descarregador de superficie

Corte Brique

Em Dezembro de 1984 deu-se inicio à construção da Barragem que ficou concluída em Dezembro de 1985.
A Barragem de Corte Brique é uma barragem em aterro de terra.
Esta Barragem tem altura máxima acima do leito de 28,0 metros, sendo a cota do coroamento de 137 metros, o comprimento do coroamento é de 156 metros e a largura de 8 metros.
A Barragem de Corte Brique tem as seguintes características:

Cota do N.P.A
134,62 metros
Cota do N.M.C135,80 metros
Capacidade total 1 636 025 m3
Capacidade útil1 500 000 m3
Capacidade morta136 025 m3

Tomada de Água e Descarga de Fundo

A estrutura da tomada de água funciona igualmente como descarga de fundo, e é fundamentalmente constituída por uma torre de manobra, uma conduta e uma estrutura terminal.
A captação de água é feita a vários níveis através de uma torre cilíndrica com 2,50 metros de diâmetro interior, dispondo de quatro aberturas Ø400, munidas de comportas tipo adufa e grelhas metálicas amovíveis.
Estas tomadas de água encontram-se desniveladas de 5,0 metros e funcionam independentemente, sendo controladas a partir de volantes colocados numa plataforma á cota de coroamento.
O acesso é feito através de passadiço que apoia na torre e no terreno natural da encosta do encontro esquerdo, a montante da bacia de entrada do descarregador de cheias.
A conduta de fundo DN 600 está assente no terreno natural, em escavação e está totalmente envolvida em betão, e ao longo de toda a extensão por muretes corta águas espaçados de 5,0 metros.
Na extremidade de jusante da conduta existe uma câmara de válvulas, onde funciona o sistema que permite que a descarga de fundo funcione como uma tomada de água. A água proveniente da conduta poderá permitir o esvaziamento da albufeira, através de uma válvula de regulação tipo borboleta. A montante desta válvula existe uma bifurcação, com DN 300, onde uma válvula tipo cunha permite a utilização da água para rega.
A água que passa através da válvula borboleta é enviada para uma bacia de dissipação e conduzida através de um canal revestido a rip-rap, para a linha de água.

Descarregador de superfície

O descarregador de superfície é constituído por uma soleira descarregadora em leque, frontal, sem comportas, com secção transversal geral do canal de descarga rectangular, e uma estrutura final de dissipação de energia, com um desenvolvimento de soleira de 22 metros e cota de 134,62 metros, perfil do tipo W.E.S, com parâmetro de montante inclinado1:1, dimensionado para a carga de 1,20 metros. Este desenvolve-se junto ao encontro da margem esquerda, mas totalmente separado do corpo da barragem.
O canal de descarga apresenta em perfil longitudinal, três troços com diferentes inclinações. O primeiro, com cerca de 31,3 metros de desenvolvimento e com inclinação de 0,185; o segundo, com cerca de 19,0 metros e com inclinação de 0,25; o terceiro troço, que faz a transição para a bacia de dissipação, tem 21,369 metros de desenvolvimento, apresentando uma secção curva, a fim de melhorar o escoamento.

O primeiro troço apresenta uma zona inicial convergente, onde se faz a transição da secção de controle para a secção constante de largura igual a 4,20metros. O último troço é divergente, variando a sua largura entre 4,20metros e os 10,0 metros da bacia de dissipação.

Elementos mecânicos da Tomada de água / Descarga de fundo

Os elementos mecânicos da Tomada de água / descarga de fundo têm as seguintes características:
  • Tubagem em betão Ø 600, com o comprimento 132,6 metros – 1 unidade;
  • Guarda metálica, assente, constituída por perfis INP8 tubos de ferro galvanizado Ø 38mm, chapa 8mm, chumbadouros, porcas e anilhas – 2 unidades;
  • Válvula mural assente, incluindo haste, com protecção anti-corrosiva, abraçadeiras, volante e tripé – 4 unidades;
  • Grelha metálica com protecção anti-corrosiva – 4 unidades;
  • Escada de acesso ao interior da torre, com protecção anti-corrosiva assente – 1 unidade;
  • Válvula de cunha Ø 300, em ferro fundido, com haste e volante, assente – 1 unidade;
  • Válvula borboleta Ø 600, em ferro fundido, com haste e volante, assente – 1 unidade;
  • Grelha metálica no topo da torre, amovível, incluindo aro, com protecção anti-corrosiva – 1 unidade;
  • Tampa metálica Ø 700, e aro assente, com barra metálica, dobradiça, chumbadouro, cadeado, degraus de acesso – 1 unidade;
  • Junta “water stop” com 2 metros de largura:
    • na torre de manobra – 1 unidade;
    • no descarregador de cheias – 5, 10, 10, 4 unidades de diferentes comprimentos;
  • Juntas Gibault, Ø 600 – 1 unidade;
  • Forquilha em ferro fundido 600x300, assente – 1 unidade;
  • Valeta em meia-cana Ø 400 assente;
  • Juntas de flange:
    • Ø 300 – 2 unidades
    • Ø 600 – 2 unidades.